ÉPOCA BALNEAR EM OEIRAS ABRE COM PRAIAS REQUALIFICADAS

0

A época balnear em Oeiras, único município da Área Metropolitana de Lisboa com todas as praias oficiais com Bandeira Azul, inicia-se no próximo dia 1 de junho e, para ter tudo em condições para receber os veraneantes, a autarquia vai investir cerca de 4,5 milhões de Euros, até 2022, em melhoramentos e obras de requalificação da zona balnear.

Melhorar substancialmente a qualidade e a segurança de toda a zona balnear do concelho, é um dos objetivos da Câmara Municipal de Oeiras que, neste momento, tem a decorrer projetos cujo investimento ascendem a cerca de 3 milhões de euros, nomeadamente melhoria da iluminação pública, requalificação do Porto de Recreio e da Piscina Oceânica e instalação de equipamentos infantis e de fitness em todas as praias, entre outros. Só para esta época balnear, que vai arrancar no dia 1 de junho, a autarquia já investiu perto de 900 mil euros, ou seja, quase o dobro do que em 2020 (500 mil euros). Assim, em três anos (2020-2022) Oeiras vai investir um total de cerca de 4,5 milhões de euros na zona balnear.

Único município da Área Metropolitana de Lisboa (AML) com todas as praias oficiais com Bandeira Azul (praias da Torre, Santo Amaro, Paço de Arcos e Caxias), Oeiras começa a época balnear com novos serviços e equipamentos para usufruto dos banhistas. Entre as novidades para este verão, destaque para a instalação de papeleiras compactadoras inteligentes em toda a extensão do Passeio Marítimo e para a criação de instalações sanitárias definitivas na praia de Santo Amaro, com um módulo adicional para utilização como posto de socorro.

Por outro lado, Oeiras quer «proporcionar o máximo de segurança e qualidade possível aos utilizadores das praias, pelo que decidiu, pelo segundo ano, arcar com as despesas salariais dos 21 nadadores-salvadores, de modo a incentivar economicamente os concessionários e a garantir a segurança dos banhistas», salienta um comunicado emitido pela autarquia, revelando qinda que «em prol da segurança, a autarquia também adquiriu uma mota de água, para salvamento marítimo».

Segundo a nota de imprensa, «já a partir do final deste verão, vai ser feita uma melhoria substancial na iluminação pública quer ao longo do Passeio Marítimo (entre a Praia de Santo Amaro de Oeiras e a Praia de Paço de Arcos e também na zona do Dafundo), quer na praia da Torre, investimento que ronda os 500 mil euros.

Em projeto, adianta a edilidade, está também a colocação de novos equipamentos infantis nas praias de Algés, Caxias, Paço de Arcos e Torre e a instalação de espaços fitness nas praias de Algés e Caxias e um outro, já em construção e que será inaugurado em breve, junto à Feitoria do Colégio Militar (Praia da Torre). Refira-se que o espaço fitness já existente na praia de Paço de Arcos está a ser requalificado, estando planeada também a repavimentação do Passeio Marítimo, entre Santo Amaro e Paço de Arcos. E, no final do verão, vão arrancar as obras de requalificação no Porto de Recreio (que também tem Bandeira Azul) e na Piscina Oceânica. Esta intervenção incluirá o reforço do Molhe, a requalificação da Doca Seca, a substituição do pavimento da Piscina Oceânica, a reparação das pranchas de saltos e da casa das máquinas e, ainda, a substituição das estações elevatórias de todo este complexo.




Combate ao Covid

A autarquia refere ainda que em todas as praias vão ser respeitadas as orientações da Direção Geral da Saúde e do Governo da República, sendo mantidos serviços para garantia do usufruto em segurança pelos utentes no âmbito da pandemia vigente, como a desinfeção e higienização de instalações sanitárias e superfícies de contacto (ex.: botões de chuveiros, lava-pés, corrimões ou tampas de ecopontos) e será mantido o sistema de sinalização do estado de ocupação dos areais, através da colocação de torniquetes virtuais nas entradas das quatro praias e que alimentarão a App informativa sobre a lotação dos areais.

Quer comentar a notícia que leu?