EXPOSIÇÃO «DIÁRIO DE UMA PANDEMIA» NO TAGUSPARK

0

«Diário de uma Pandemia» é o tema de uma exposição de fotografias, a ser inaugurada hoje, no Taguspark, e que retrata o dia-a-dia dos portugueses durante o período inicial de Covid 19, captadas por mais de 130 fotógrafos e fotojornalistas.

O Taguspark e a Associação Cultural CC11 inauguram hoje, no Núcleo Central do Taguspark, a exposição “Diário de Uma Pandemia”, que irá contar com a presença das entidades envolvidas e também de artistas envolvidos no projeto.

A exposição “Diário de Uma Pandemia”, organizada pela Associação Cultural CC11, envolve mais de 130 fotógrafos e fotojornalistas, num retrato da vida quotidiana durante o período inicial da pandemia de COVID-19.

Esta exposição fotográfica divide-se em quatro módulos “EVERYDAY COVID”, “RETRATOS DE PORTUGAL PELAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS”. “DIAS DA PANDEMIA PELA IMPRENSA NACIONAL” e “CLARO E ESCURO”.

Uma mulher é submetida a testes de rastreio COVID-19 que permitem a receção dos resultados entre as 24 e 30 horas, no lar de idosos da Fundação Comendador Joaquim De Sá Couto em Santa Maria da Feira, Portugal, a 17 de abril de 2020 (emitido a 21 de abril de 2020). Este circuito envolve equipas dos centros de saúde de Santa Maria da Feira e Arouca e do hospital de Gaia, onde existe uma das cinco máquinas do país com capacidade para realizar até 1000 exames por dia, com resultados em 24 horas. JOSE COELHO / LUSA

“Diário de Uma Pandemia” estará patente e aberta ao público de 1 de outubro a 27 de novembro, de segunda a sábado, das 9h00 às 19h00, no Átrio do Núcleo Central do Taguspark e na Zona de Exposições do Centro de Congressos. A entrada é gratuita.

Quer comentar a notícia que leu?