OEIRAS E CASCAIS COM NOVAS ESTAÇÕES METEOROLÓGICAS

0

A Área Metropolitana de Lisboa vai instalar estações meteorológicas nos 18 concelhos que a integram, no âmbito do projeto CLIMA.AML: Rede de Monitorização e Alerta Meteorológico Metropolitano, tendo já começado a realizar a instalação das estações em Oeiras e Cascais

Já estão a ser instaladas em Oeiras e Cascais, as primeiras estações meteorológicas no território da área metropolitana de Lisboa, desenvolvidas no âmbito do projeto CLIMA.AML: Rede de Monitorização e Alerta Meteorológico Metropolitano, que tem como objetivo a criação de uma solução integrada para a monitorização meteorológica em contexto urbano.

No decorrer das próximas duas semanas vão ser instaladas as 16 estações restantes, uma em cada um dos 18 municípios da área metropolitana de Lisboa, que medirão, em tempo real, temperatura, precipitação, humidade, pressão atmosférica, vento, direção do vento, radiação solar e radiação ultravioleta.

Através do projeto, promovido pela Área Metropolitana de Lisboa, e pelos seus municípios, serão analisados todos os dados e informações essenciais de suporte à monitorização e avaliação dos dados meteorológicos.

A rede, composta por 18 estações, nove micro-sensores de medição urbana, e uma plataforma online, funcionará em complementaridade com a rede do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

A recolha e disponibilização de dados meteorológicos à escala metropolitana, permitirá monitorizar a evolução dos impactes e eventos resultantes das alterações climáticas nas comunidades locais. O projeto CLIMA.AML – Rede de Monitorização e de Alerta Meteorológico Metropolitano, que dá continuidade ao Plano Metropolitano de Adaptação às Alterações Climáticas da Área Metropolitana de Lisboa, está inserido no programa Ambiente, Alterações Climáticas e Economia de Baixo Carbono, operado pela Secretaria Geral do Ambiente e da Ação Climática, e é financiado pelos EEA Grants 2014-2021.




O projeto, que está a ser implementado na área metropolitana de Lisboa desde março deste ano, decorrerá até ao final do primeiro semestre de 2023

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here