ORÇAMENTO PARTICIPATIVO DE CASCAIS PROMOVE CIDADANIA ATIVA

Um total de 108.288 votos submetidos por 54.188 votantes, elegeram os 22 projetos vencedores do Orçamento Participativo de Cascais 2021. A aquisição de viaturas para os Bombeiros Voluntários da Parede foi a proposta mais votada do OP de Cascais, demonstrando que uma politica municipal democrática deve estar aberta à criatividade social.

As batucadeiras Voz de África abriram hoje, no Auditório Sra. da Boa Nova, Estoril, a cerimónia de apresentação das 22 candidaturas vencedoras do Orçamento Participativo 2021 de Cascais que, mais uma vez, demonstrou que um concelho democrático é aquele que se abre à vontade popular e que deve ter o espaço político necessário para a transformação dos desejos de sua população em direitos, em políticas públicas e serviços públicos que viabilizem a realização de uma sociedade mais justa, com oportunidades e dignidade para a população.

Esta foi, de certa forma, a mensagem que o presidente da Câmara Municipal de Cascais, Carlos Carreiras, quis transmitir a todos os participantes neste evento, destacando que o Orçamento Participativo é um mecanismo privilegiado de exercício de participação do cidadão na vida pública, porque «sendo um mecanismo ligado ao poder local, revela-se mais próximo e interessante para os cidadãos, pelo que será sempre importante encontrar formas de o melhorar e potencializar». O OP Cascais 2021 implica um investimento municipal de 7 milhões de euros, decidido diretamente pelos cidadãos.

Após ter elogiado na «figura» das batucadeiras a mulher cabo-verdiana, Carlos Carreiras, que centrou o seu discurso em apelos à vacinação e ao combate ao Covid, lembrou que as atuais formas de exercício da cidadania exigem cada vez mais de quem governa e da Administração Pública, uma maior aproximação do cidadão das políticas públicas, destacando o Orçamento Participativo como mecanismo privilegiado de exercício de participação do cidadão na vida pública, porque sendo um mecanismo ligado ao poder local, revela-se mais próximo e interessante para os cidadãos, pelo que será sempre importante encontrar formas de o melhorar e potencializar.

Na perspetiva do presidente da autarquia, «o OP é, portanto, um instrumento de fundamental importância na estratégia da Câmara Municipal de Cascais», que permite uma participação informada e responsável da população nos processos governativos locais e garante que a sua participação nas decisões sobre os investimentos municipais e tem uma correspondência real entre as verdadeiras necessidades e as naturais aspirações das pessoas

A Câmara de Cascais fez a sua primeira edição do OP em 2011 e desde aí até hoje nunca parou, tendo vindo sempre a crescer: «Fomos de 6903 votantes a 69.766 votantes. Partimos de 2,1 milhões de euros para 10 milhões no último ano», lembrou Carlos Carreiras, salientando que, «nestes 10 anos os e as cascalenses já promoveram obras significativas e juntos transformámos Cascais».





Desde 2011, os cidadãos já decidiram a aplicação de 38,14 milhões de euros de verbas municipais traduzidas em 176 projetos vencedores, fruto de um trabalho de participação e cidadania que coloca o concelho entre os mais destacados da Europa e mesmo a nível Mundial.

Em 2021, o OP 2021 realizou-se exclusivamente via on-line por causa da pandemia. Com um total de 108.288 votos submetidos por 54.188 votantes, tendo terminado no dia 4 de dezembro, o período de votação no Orçamento Participativo de Cascais 2021

O anúncio dos projetos vencedores, que decorreu hoje, no Auditório Sra. da Boa Nova, no Estoril, numa cerimónia em tempo de pandemia, mas com toda «a energia e espírito de conquista que a cidadania participativa consegue imprimir à nossa comunidade».

«Mais de 45 milhões de euros, cerca de 200 projetos e 600 mil votos. Estes é um dos balanços do OP», destacou Carlos Carreiras, sublinhando que «de todos os valores, o maior é o espírito da democracia participativa e colaborativa da população de Cascais. O povo já tomou posse do Orçamento Participativo. Parabéns Cascais. Parabéns a todos vós que tiveram um papel ativo».

Assim, todos os projetos que conseguiram ultrapassar a marca dos 2.000 votos foram considerados vencedores, pelo que a Câmara Municipal de Cascais alocou sete milhões de euros para concretizar 22 projetos propostos pelos cidadãos.

Carcavelos-Parede elege mais projetos vencedores

Este ano, a votação permitiu eleger um maior número de projetos na freguesia de Carcavelos-Parede, que conseguiu um total de sete projetos vencedores, aos quais se junta ainda um projeto inter-freguesias para Carcavelos-Parede e Cascais-Estoril, nomeadamente para a construção de torres de vigia na frente de mar desta zona do litoral concelhio.

Na freguesia de Carcavelos-Parede situam-se, ainda, os projetos mais votados de todos: a aquisição de veículos para a Associação de Bombeiros Voluntários “Amadeu Duarte” (7.651 votos) e a construção da sede da AquaCarca, associação desportiva local (6.801 votos).

Cascais-Estoril com cinco projetos

Em Alcabideche foram quatro os projetos que conquistaram votos suficientes para passar à fase de concretização, número idêntico ao dos projetos transversais, ou seja, cuja concretização virá beneficiar todo o concelho.

Para a freguesia de S. Domingos de Rana, mais concretamente para Cabra Figa, foi apurado um projeto vencedor.

Proteção civil e segurança as mais votadas

Por áreas, o primeiro lugar do Top dos projetos mais votados este ano apresenta um empate em quatro áreas, todas com três projetos vencedores, demonstrando da parte dos participantes no processo do Orçamento Participativo de Cascais uma cada vez maior preocupação com o meio envolvente, com a sustentabilidade e com uma mobilidade cada vez mais amiga do ambiente.

A Segurança e Proteção Civil, embora continue a ser das mais votadas no âmbito do Orçamento Participativo de Cascais, contribuindo para colmatar as necessidades ainda sentidas pelas corporações de bombeiros, esta área inova este ano com dois projetos para vigilância: Torres de Vigia dos Bombeiros Voluntários de Cascais e as Torres de Vigilância nas Praias de Parede e Carcavelos.

A Reabilitação de edifícios, Energias renováveis e Rede Pública viária e acessibilidade, onde sobressai o cuidado com as pessoas com mobilidade reduzida e a necessidade de alargar as vias cicláveis, em especial junto a escolas, são outras áreas mais votadas pelos cascalenses.

A criação de Salas de Inovação Educativa para as Escolas Básicas e Secundárias do concelho e equipamento para a escola da Alapraia, dão corpo aos dois projetos da área da Educação, formação e aprendizagem ao longo da vida.

Os restantes projetos, um por área, distribuem-se pela criação de um parque infantil e equipamento lúdico; construção de um equipamento recreativo; criação de um espaço verde; e ainda projetos nas áreas do desporto; economia circular, ação social, transporte e mobilidade suave e bem-estar animal.

Projetos Vencedores

OP 23 VEÍCULOS PARA OS BOMBEIROS DE PAREDE 7651 VOTOS

OP 03 SEDE AQUA CARCA 6801 VOTOS

OP 29 CONHECER E TRABALHAR MELHOR A DEMÊNCIA 4798 VOTOS

OP 58 DE OLHO NO MAR – TORRES DE VIGIA NAS PRAIAS DO CONCELHO 4497 VOTOS

OP 31 AJUDAR OS ANIMAIS ABANDONADOS 4251 VOTOS

OP 48 PASSEIOS E RAMPAS PARA PESSOAS COM MOBILIDADE REDUZIDA 4154 VOTOS

OP 55 CICLOVIA URBANA ENTRE A PAREDE E CARCAVELOS 4049 VOTOS

OP 20 RECONSTRUIR A OFICINA DOS BOMBEIROS DE ALCABIDECHE 3574 VOTOS

OP 42 PARQUE INFANTIL E JARDIM EM CABRA FIGA 3312 VOTOS

OP 57 TORRES DE EMERGÊNCIA PARA CASCAIS 3034 VOTOS

OP 45 PARQUE URBANO DO ALTO DA PEÇA 2990 VOTOS

OP 08 MOBILAR PARA O BEM-ESTAR – EB 2,3 ALAPRAIA 2821 VOTOS

OP 05 SALAS DE INOVAÇÃO EDUCATIVA NAS EB 2,3 E SECUNDÁRIAS 2713 VOTOS

OP 50 CICLOVIA ESCOLA – ESTAÇÃO DE CARCAVELOS 2463 VOTOS

OP 15 REABILITAR A CASA DO ALECRIM – ASSOCIAÇÃO ALZHEIMER 2437 VOTOS

OP 39 EM CASCAIS NADA SE PERDE… TUDO SE TRANSFORMA! 2417 VOTOS

OP 04 REQUALIFICAÇÃO DO GD DA MALVEIRA DA SERRA 2345 VOTOS

OP 19 REABILITAR O CENTRO COMUNITÁRIO DE CARCAVELOS 2310 VOTOS

OP 11 ENERGIAS RENOVÁVEIS – CLUBE NACIONAL DE GINÁSTICA 2298 VOTOS

OP 26 CARRINHA PARA O CENTRO PAROQUIAL DO ESTORIL 2160 VOTOS

OP 12 ENERGIAS RENOVÁVEIS – CF SASSOEIROS 2003 VOTOS

OP 10 PISCINAS MAIS ECOLÓGICAS – BOMBEIROS DE CASCAIS 2001 VOTOS

 

Quer comentar a notícia que leu?