TORRE DO GALO NA AJUDA VAI PARA OBRAS

0

A Torre do Galo, na Ajuda, vai ser recuperada assim que estiverem concluídas as obras do Palácio da Ajuda, previstas para finais de 2021, revelou o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, no final de uma visita que efetuou a essa freguesia lisboeta.

A partir de meados de agosto, as casas do programa Renda Segura vão começar a ser subalugadas aos lisboetas, anunciou Fernando Medina no decorrer de uma visita ao Largo da Boa Hora, na Ajuda, que recentemente foi requalificado no âmbito do projecto uma Praça em Cada Bairro.

O presidente da Câmara de Lisboa, após recordar que «ainda recentemente entregou chaves de habitação do programa renda acessível na freguesia da Ajuda», salientou que as casas do programa Renda Segura, cuja primeira fase do concurso correu «muito bem», vão estar disponíveis no mercado a partir dos meados do mês de agosto, princípio de setembro.

As obras de requalificação na Boa Hora, além de melhorarem as condições de circulação pedonal, vão permitir aumentar a segurança rodoviária, clarificando as zonas de estacionamento e criando zonas de estadia para melhor usufruto do espaço público, salientou o autarca.

O presidente da autarquia lisboeta visitou também as obras de construção da nova unidade de saúde, nas traseiras do mercado da Boa Hora, realçando que este novo centro, assim como as diferentes obras de requalificação a decorrerem, vão permitir «o reforço» da centralidade do Largo da Boa Hora na freguesia.

O futuro centro de saúde, um projeto que toda a freguesia ansiava, vai estar preparado para a prestação de cuidados de saúde de nova geração. Assim, além de cuidados de saúde primários, terá consultas de medicina dentária, nutrição, saúde materno-infantil e análises e outros exames de diagnóstico.


Palácio da Ajuda obras acabam em 2021

Fernando Medina ainda «foi ver» como estão a correr as obras no Palácio da Ajuda e aproveitou para «dar um salto» à Torre do Galo e ver «as vistas que se vislumbram» do alto da torre.

Segundo o presidente da Câmara de Lisboa, as obras no Palácio da Ajuda deverão estar concluídas até finais de 2021 e, de seguida, iniciam-se as obras de restauro e reabilitação da Torre do Galo que, neste momento, se encontra extremamente degradada. Inclusivamente, um dos sinos já caiu e o mecanismo que faz «tocar as badaladas» está enferrujado e partido em algumas zonas de junção.

Por seu turno, o presidente da Junta de Freguesia da Ajuda, Jorge Marques, considerou que todas estas obras de reabilitação vão trazer uma nova centralidade à freguesia, salientando, contudo, que é necessário criar, na Travessa da Boa Hora à Ajuda, «atividades âncoras que permitam fixar comerciantes e clientes» nesta travessa que, em tempos, já foi «um autêntico centro comercial a céu aberto, com vendedores espalhados ao longo da rua»

Escreva aqui o seu comentário...