BAIRRO DA BOAVISTA COMEMORA 80 ANOS COM MARCELO REBELO DE SOUSA E CARLOS MOEDAS

0

O bairro municipal mais antigo da Península Ibérica foi inaugurado a 25 de outubro de 1941 com 448 casas. Hoje são cerca de 1500 e mais de 5 mil moradores. As comemorações arrancaram sábado, com a visita do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que se encontrava acompanhado pelos presidentes da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas, e da Junta de Freguesia de Benfica, Ricardo Marques.

Pela primeira vez, o novo presidente da Câmara de Lisboa esteve numa cerimónia ao lado do Presidente da República. Foi na celebração dos 80 anos do bairro municipal mais antigo da Península Ibérica, o bairro da Boavista, em Lisboa

O Presidente da República, que durante três horas visitou o bairro, fez questão de referir que «o senhor presidente da Câmara estava convidado. Foi um encontro muito bom, juntou-se a nós o presidente da junta, ficou uma troika virtuosa», acrescentando que «eles são de orientações políticas diferentes e eu estou acima dos partidos. Bem, em rigor, o presidente da câmara e da junta também estão acima dos partidos».

Por seu turno, Carlos Moedas considerou «uma honra” acompanhar o chefe de Estado nas visitas que este fizer na cidade de Lisboa», salientando que «partilho com o senhor presidente da República este desafio e este objetivo concreto de cuidar das pessoas, de estar com as pessoas».

O Presidente da República começou a visita pela Associação Recreativa de Moradores e Amigos do Bairro da Boavista, subiu até ao mais antigo clube do bairro, o das Águias, onde partilhou um pires de tremoços e uma ‘mini’ com alguns elementos da comunidade cigana, deixando um pedido: «Têm de se virar para as crianças e jovens, para as novas gerações, têm de perceber o papel que podem ter no futuro, eles e elas», destacando que a mulher tem hoje um papel «maioritário e decisivo na sociedade portuguesa e que já não volta para trás».

Após a visita ao clube, foi ver outro dos projetos do bairro: um conjunto de 50 casas que substituíram as tradicionais moradias de alvenaria e que são ecossustentáveis e planeadas para pessoas com mobilidade reduzida e evolutivas, podendo aumentar se a família crescer.




«Deste Bairro da Boavista saíram portugueses espalhados pelo mundo, desportistas, e foi-se renovando e vai-se renovar», sublinhou Marcelo Rebelo de Sousa, destacando a «integração única entre as várias comunidades e a preocupação social antes da época aqui vividos», lembrou o Presidente da República.

Já Carlos Moedas revelou que esta foi «a minha primeira visita aqui enquanto presidente da Câmara, mas vão ter-me aqui muitas vezes ao vosso lado. O que mais me orgulha é o vosso orgulho neste bairro, nas vossas raízes».

O Bairro da Boavista, localizado na freguesia de Benfica, foi construído na década de 1940, para o realojamento de famílias provenientes de habitações precárias.

Naquela que foi a sua primeira ida ao bairro, Carlos Moedas deu os parabéns aos moradores, garantindo que esta não será a sua última visita.

Acompanhado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o presidente da Câmara de Lisboa foi conhecer os locais emblemáticos do histórico bairro da freguesia de Benfica assim como algumas das obras de renovação que estão em curso: a construção da Escola Gonçalo Ribeiro Telles, cuja conclusão está prevista para janeiro de 2023, ou a substituição das antigas casas de alvenaria por habitações de tipologia evolutiva.

Foto de capa: Créditos / Rui Ochoa / Presidência da República

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here