BIP/ZIP PROMOVE QUALIDADE DE VIDA

0

O programa Bip/Zip permite criar projetos importantes para a criação de melhores condições de vida às populações dos bairros mais carenciados, defende a deputada Helena Roseta.

“Hoje, mais do que nunca, os arquitetos estão preocupados com os aspetos sociais, contribuindo com soluções para o desenvolvimento e bem estar das populações”. Esta ideia foi expressa a Olhares de Lisboa pela arquiteta e deputada Helena Roseta, no final do Fórum Urbano sobre o programa Bíp/Zip, destinado a bairros mais carenciados de Lisboa.

Convidada na qualidade de arquiteta e deputada da Assembleia da República, Helena Roseta considera que todos os projetos Bíp/Zip são importantes para a “criação de melhores condições de vida às populações desses bairros carenciados”.

No Fórum Urbano, que decorreu no Palácio Baldaya, em Benfica, e que contou também com a participação da Vereadora Paula Marques, Helena Roseta reaçou ainda que o programa aposta no desenvolvimento local e no tecido institucional da gestão da cidade de Lisboa, considerando que este encontro foi uma oportunidade de reflexão coletiva sobre os processos de transformação do espaço PARA e COM as pessoas, que surgiu no âmbito do culminar da 1ª fase do projeto Bip/Zip homónimo e a propósito do lançamento das ferramentas desenvolvidas pelo mesmo.

O projeto Bip/Zip Fórum Urbano consistiu na criação de uma Plataforma de partilha focada no ‘universo Bip/Zip’, articulada à escala da cidade. Para além da existência digital (plataforma online), a existência física materializou-se através de uma exposição, acompanhada por momentos de discussão conjunta, Workshop de capacitação e dois ‘fóruns’. Estas experiências foram condensadas num Manual de ferramentas de co-criação de projetos de desenvolvimento local de base comunitária, que tomou a forma de um jogo de ideias.

A equipa do Locals Aproach, constituída por Gonçalo Folgado, Joana Pestana, Irina Gomes e Inês Veiga, criou um jogo que explica, de uma forma clara, as formas como as pessoas podem apresentar projetos no âmbito do Bip/Zip. Organizadores deste evento, esta associação está empenhada em descodificar os processos que possibilitem a qualquer cidadão apresentar um projecto, demonstrando que, afinal,todos temos capacidade para realizar projetos.





Escreva aqui o seu comentário...