CÂMARA DE OEIRAS DISPONÍVEL PARA FINANCIAR AQUISIÇÃO DE VACINA ANTI-GRIPE

0

Já abriram as novas instalações dedicada à resposta Covid-19 em Algés. O presidente da Câmara de Oeiras, Isaltino Morais, acompanhado pelo diretor geral da ACES – Lisboa Ocidental e Oeiras, Rafic Ali Nordin, inaugurou ontem, esse novo centro de testagem.

 O presidente da Câmara de Oeiras, Isaltino Morais, anunciou ontem que a «autarquia está disponível para adquirir mais vacinas anti-gripe, desde que elas estejam disponíveis mercado, porque a autarquia sempre defendeu a vacinação massiva da população do concelho como forma de minimizar os riscos de contágio pelo Covid 19». Isaltino Morais, que se afirma disponível para «auxiliar» o Governo na aquisição da vacina, inaugurou ontem, segunda-feira, as novas instalações da Área Dedicada a Resposta (ADR) COVID no Centro de Saúde de Algés (ACES).

Acompanhado por vereadores, pelo presidente da União de Freguesias de Algés, Linda-a-Velha, Cruz Quebrada e Dafundo, Rui Teixeira, e pelo diretor da ACES – Lisboa Ocidental e Oeiras, Rafic Ali Nordin, o autarca de Oeiras referiu que «este é mais um serviço de saúde que vai permitir melhores condições de trabalho aos profissionais de saúde», o que contribuirá para um melhor atendimento dos habitantes do concelho».

Após sublinhar que, desde o início da pandemia, em Março, a autarquia se colocou «à disposição» das autoridades de saúde para dar respostas imediatas aos problemas mais prementes, nomeadamente aquisição de equipamentos de proteção individual e disponibilizando instalações, Isaltino Morais lembrou que a situação pandémica trouxe um conjunto de novos problemas que «afetam particularmente os mais frágeis, nomeadamente as pessoas isoladas» e aquelas que agora enfrentam o espectro do desemprego.

Reafirmando que a Câmara Municipal de Oeiras «está disponível para auxiliar naquilo que for solicitada», Isaltino Morais defendeu, dada a situação económica privilegiada de Oeiras, que a «autarquia, desde que haja vacinas anti-gripe no mercado, está disponível para auxiliar o Estado (que somo todos nós) na sua aquisição». O autarca lembra que os sintomas da «gripe e do Covid 19 são muito idênticos, o que dificulta um diagnóstico eficaz na altura da consulta».

Por seu turno, o diretor da ACES – Lisboa Ocidente e Oeiras, Rafic Ali Nordin, após agradecer os apoios dispensados pela Câmara e pelas Uniões de Freguesias e Juntas de Freguesia do concelho, anunciou que, desde março até anteontem, domingo, o Centro de Covid -19 de Paço de Arcos realizou testes em 5.500 utentes», cumprindo assim os desígnios para o qual foi criado.


No entanto, à semelhança do autarca, Rafic Ali Nordin adiantou que, «neste momento, com o aparecimento das gripes, cujos sintomas são muito idênticos ao do Covid 19, era necessário criar uma área dedicada aos doentes com problemas respiratórios e que estivesse próxima do hospital de referência, o São Francisco Xavier para os habitantes do concelho de Oeiras».

Até agora a funcionar no Palácio Anjos, este centro de testagem foi deslocalizado para novas instalações cedidas pela Câmara Municipal de Oeiras e irá permitir «o rastreio dos doentes com Covid, minimizando-se os riscos de contágio».

Segundo o diretor da ACES, este centro vai receber os utentes dos Centros de Saúde que «apresentem sintomas» e todos os doentes reencaminhados pelos hospitais e pelos médicos de família».

Esta ADR funcionará das 08.00 às 20.00, todos os dias da semana, com duas equipas em simultâneo, com capacidade de observação até 80 doentes/dia, durante o período de funcionamento e a possibilidade de colheita, até 50 teste SARS- CoV2/dia, no local, com leitura pelo Centro Hospitalar Lisboa Ocidental, que irá dar resposta em 24 horas.

Os números referentes ao volume de testes a SARS- CoV2 no Palácio Anjos, mostram que, entre o dia 27 de março e 31 de outubro, foram realizados 5455 testes, com 13.6 % do total a testar positivo e 86.4 a testar negativo.

Todavia, é de referir ainda que a testagem no Palácio Anjos tem decorrido de forma organizada, com uma resposta célere por parte do Laboratório Joaquim Chaves.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here