Inicio Temas Economia

Economia

A BOA COMIDA ALENTEJANA NO AQUI NÃO COMES

A cozinha alentejana é, sem dúvida, uma das melhores. E, por isso, que de Beja veio para Lisboa um novo conceito: o de servir refeições ultracongeladas para serem consumidos em casa. O «Aqui não Comes» foi criado para facilitar a vida das pessoas, fornecendo-lhes comida fresca e caseira

CENÁRIOS PARA O FUTURO DO COMÉRCIO DE PROXIMIDADE NO PÓS-PANDEMIA

Não há memória viva de um cenário em que, existindo oferta e procura, o comércio (que só surge como corolário do cruzamento de ambas) não tivesse condições para "poder acontecer", gerando aquilo a que, à falta de melhor designação, designo por “DesComércio”.

GINJINHA DE BUCELAS NO CORAÇÃO DA “ROTA SALOIA”

Desde há décadas que a qualidade da ginjinha de Bucelas tem atraído muitos visitantes à vila. O Café Primavera é uma referência para todos os visitantes e tem tido uma clientela ilustre ao longo dos tempos. Atores de telenovela, fadistas, gente das artes, são presença assídua nesta casa com pergaminhos na preservação dos costumes e tradições saloias.

O TOLDO IDEAL PARA A SUA CASA OU COMÉRCIO ESTÁ NA EL DOURADO

Sandra Grilo é, desde há 10 anos, a proprietária da El Dourado – Comércio de Toldos, Unipessoal, Lda, sediada em Vale Figueira, São João da Talha, que hoje é reconhecida como uma das empresas de toldos mais procuradas do País, dedicando-se ao fabrico, comercialização e reparação de todos os tipos de toldos para todo o território nacional.

COMPRAR PEIXE FRESCO É NO CAMPO GRANDE NA DONA PEIXARIA

Aberta desde o dia 15 de março, a Dona Peixaria fica situada na zona nobre de Lisboa, em pleno bairro do Campo Grande, trouxe para a capital um novo conceito na forma de vender peixe, «vindo diretamente do mar».

COPS ASSINA PROTOCOLO COM BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA AJUDA

A empresa de segurança privada portuguesa, COPS, assinou um protocolo de cooperação com os Bombeiros Voluntários da Ajuda, para a formação de grupos de primeira intervenção para combate a incêndios. No decorrer da cerimónia de assinatura, a empresa forneceu a toda a equipa do quartel fatos completos de proteção da marca DIFIRE, para utilização em situações de resgate.

MEDINA QUER LISBOA PREPARADA PARA NOVOS DESAFIOS

Preparar a capital para os desafios atuais e futuros, procurando atenuar o impacto económico e social da pandemia, é um dos objetivos de Fernando Medina que quer uma cidade mais sustentável, resistente e bem prevenida para eventuais catástrofes e para as oportunidades num cenário pós-covid.

OEIRAS «AVANÇA» COM 3 MILHÕES PARA RECUPERAÇÃO ECONÓMICA

A Câmara Municipal de Oeiras vai disponibilizar 3 milhões de euros no Plano de Recuperação à Atividade Económica do concelho, uma verba alocada a fundo perdido, a todas as empresas, designadamente as em nome individual, que tenham a sua sede fiscal e atividade desenvolvida no concelho.

CÂMARA DE LISBOA PERDEU 31 MILHÕES DE EUROS EM TAXAS TURISTICAS

Num ano em que deu cerca de 50 milhões de euros em apoios por causa da pandemia, a Câmara de Lisboa fechou 2020 com um prejuízo de 46 milhões de euros, preparando-se para contrair um empréstimo de 20 milhões de euros junto do BPI para criar uma nova almofada financeira.

SABORES PARA TODOS OS GOSTOS EM ALVALADE

A Junta de Freguesia de Alvalade apresentou ontem, 19 de maio, no Mercado de Alvalade Norte, a 4.ª edição do concurso gastronómico Sabores de Alvalade, que este ano conta com Vítor Sobral, como embaixador, e Cátia Goarmon ("Tia Cátia") como júri.

ÚLTIMAS