FESTIVAL SETE SÓIS SETE LUAS EM OEIRAS

0

O Festival Sete Sóis Sete Luas vai regressar, à Fabrica da Pólvora de Barcarena, em Oeiras. Embora com medidas de restrição devido à pandemia do COVID-19, nesta sua 28ª edição serão apresentados 11 espetáculos, com artistas vindos de 10 países do mediterrâneo e dos de expressão oficial portuguesa.

Assim, de 3 de julho a 6 de setembro, este evento cultural internacional, com entrada gratuita, vai regressar ao seu palco normal em Oeiras, o Pátio do Enxugo, a partir do próximo dia 3 de julho. A entrada é gratuita, mas limitada (4 pessoas) aos lugares disponíveis e mediante apresentação de bilhete, que pode ser levantado, a partir das 15H00, no Posto de Informação na Praça do Sol/Fábrica da Pólvora de Barcarena.

O Festival Sete Sóis Sete Luas é promovido por uma Rede Cultural de 30 cidades de 10 Países do Mediterrâneo e do mundo lusófono: Cabo Verde, Croácia, Eslovénia, Espanha, França, Itália, Marrocos, Portugal, Tunísia e Turquia, contando sempre com a participação de grandes figuras da cultura mediterrânea e lusófona. Entre os objetivos do Festival encontram-se o diálogo intercultural, a mobilidade dos artistas dos Países da Rede e a criação de formas originais de produção artística.

O Festival abre na sexta-feira (3 de julho), com os ZAGALA, de Castilha-León, que surgiram em Madrid em 2015 e gravaram o seu primeiro álbum em 2018. A música do grupo, caracterizada pela sua energia, pela fusão de diferentes instrumentos tradicionais de várias épocas e regiões de Espanha, é fruto da tradição Ibérica e de ritmos de vária danças, nomeadamente jotas, seguidillas, charros e sevilhanas, utilizando instrumentos como a mandola, violão, violino ou pandero cuadrado de Peñaparda (adufe) assim como pandeiretas, colheres e panelas.

Em 2017, participaram em vários concursos em Espanha, recebendo diversos prémios. Tocaram em festivais famosos como o Demanda Folk (Burgos) e Folkarria (Madrid).

PROGRAMA:





Sexta-feira, 3 de julho – 22h – ZAGALA (Castilha-León)

Sexta-feira, 10 de julho – 22h – EDU MIRANDA (Brasil)

Sexta-feira, 17 de julho – 22h – LUAR NA LUBRE (Galiza, Espanha)

Sexta-feira, 24 de julho – 22h – ANA GONZALEZ Y SU GENTE (Andaluzia, Espanha)

Sexta-feira, 31 de julho – 22h – GERMÀ NEGRE (Catalunha)

Sexta-feira, 7 de agosto – 22h – COLLECTIF MEDZ BAZAR (Armênia)

Sexta-feira, 14 de agosto – 22h – PARAFONÉ (Calábria)

Sexta-feira, 21 de agosto – 22h – 15h – Concerto solidário para reclusos no Estabelecimento Prisional de Caxias – CEUZANY & ORQUESTRA POPULAR 7SÓIS DO FOGO (Cabo Verde)

Sexta-feira, 28 de agosto – 22h – 7LUAS MED ORKESTRA (Mediterrâneo/Cabo Verde/La Réunion)

Domingo, 30 de agosto – 19h (Auditório Almeida Garrett, Parque dos Poetas, Oeiras) – LEO BASSI (Espanha)

Domingo, 6 de setembro – 19h (Auditório Almeida Garrett, Parque dos Poetas, Oeiras) – MUMUSIC (Catalunha)

NORMAS DE ACESSO

  • Entrada gratuita, limitada aos lugares disponíveis e mediante apresentação de bilhete;
  • Os bilhetes serão entregues (limite de 4 por pessoa) no dia do espetáculo, a partir das 15H, no Posto de Informação na Praça do Sol/Fábrica da Pólvora de Barcarena;
  • Não se aceitam reservas;
  • Os bilhetes são válidos até ao início do espetáculo. Findo este período os lugares não ocupados serão disponibilizados ao público em geral;
  • Uso obrigatório de máscara à entrada e à saída e em espaços interiores;
  • Higienização obrigatória das mãos à entrada dos espetáculos (será disponibilizado gel à entrada);
  • Respeito pelas normas de distanciamento social recomendado pela DGS.
  • A CM de Oeiras acompanhará em permanência a evolução da COVID-19 e as recomendações das autoridades de saúde nacionais, ajustando as medidas agora adotadas sempre que as circunstâncias o determinem.

Nota: O programa pode ser alterado por motivos imprevistos.

Escreva aqui o seu comentário...