HISTÓRIA DO MOSTEIRO D.DINIS RECRIADA EM 3D

0

“O Mosteiro no Tempo”, é o tema do vídeo mapping que, no próximo dia 10 setembro, vai ser apresentado no Mosteiro D. Dinis, recriando alguns dos principais acontecimentos históricos que se viveram no Mosteiro de Odivelas.

O Mosteiro de Odivelas recebe no próximo dia 10 de setembro, entre as 21h e as 24h, o vídeo mapping intitulado “O Mosteiro no Tempo”, que irá recriar alguns dos principais acontecimentos da já longa história do monumento mais emblemático do concelho, desde a sua fundação aos dias de hoje, nomeadamente a lenda invocada para a fundação do Mosteiro de São Dinis e São Bernardo, a história do Rei D. Dinis e da Rainha Santa Isabel e os amores entre o Rei D. João V e a Madre Paula.

O espetáculo, único e gratuito, irá desvendar, com imagens 3D, alguns dos momentos mais importantes da história do Mosteiro de Odivelas. Desde o «lançamento» da primeira pedra do mosteiro, da Ordem de Cister, lançada pelo rei D. Dinis em 27 de fevereiro de 1295. Reza a lenda que D. Dinis tomou esta iniciativa como forma de pagamento de uma promessa feita a São Luís, quando, numa caçada no Alentejo, onde foi surpreendido por um urso. Perante a aparição do santo, o rei recobrou forças e conseguiu neutralizar o enorme animal.

A escolha do local para D. Dinis cumprir a sua promessa incidiu numa propriedade do Rei no termo de Lisboa, Odivelas, onde se situava a “Quinta das Flores”. Esta zona gozava de ótimos recursos naturais, nomeadamente: solos férteis, um curso de água, e ainda uma morfologia que formava um abrigo natural para as culturas. O mosteiro destinava-se a receber uma comunidade feminina cisterciense, e a escolha do local pretendia assegurar a subsistência das monjas e garantir o recato das mesmas, sendo criados campos de cultivo junto ao mosteiro

A entrada no Largo D. Dinis, em Odivelas, será limitada dados os condicionalismos impostos pela pandemia. Os bilhetes (máximo de 3 por pessoa) estarão disponíveis para levantamento a partir do dia 6 de setembro, no Centro de Exposições de Odivelas, entre as 10h e as 22h.


Quer comentar a notícia que leu?