ISALTINO MORAIS TOMA POSSE A 15 DE OUTUBRO

0

O reeleito presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais, vai ser empossado no próximo dia 15 de outubro, pelas 17 horas, no auditório do Taguspark. Para o recandidato independente à Câmara de Oeiras, esta foi «a demonstração clara da confiança que a população tem em si», o que significa «uma maior responsabilidade».

Isaltino Morais, que reforçou a sua maioria absoluta na Câmara Municipal de Oeiras, conquistando 50,86% dos votos, contra os 41,65% de há quatro anos, pretende «dar continuidade aquilo que de bom tem sido feito», nomeadamente na área da sustentabilidade ambiental, dos espaços verdes e da habitação, prometendo «estar aberto a todas as propostas» que tragam benefícios para o concelho e para os oeirenses.

O reeleito autarca, que esteve na Festa Animal, no Jardim Municipal de Oeiras, vai continuar a apostar na inovação, sublinhando que, em cada mandato, há uma continuação das politicas que estavam a ser desenvolvidas, lembrando, por outro lado, que «são tantos os oeirenses que confiam em nós que não podemos deixar de sentir o peso da responsabilidade. Depois de tantos anos a liderar este município, os eleitores demonstraram que não querem perder este modo de vida, querem que continuemos a inovar».

«Queremos que este concelho seja o melhor do país e um dos melhores da Europa. Os próximos quatro anos vão ser de ainda mais trabalho, mas não se preocupem que, quem corre por gosto, não cansa», defende Isaltino Morais que vai tomar posse como presidente eleito no próximo dia 15 de outubro, no auditório do Taguspark.

Festa Animal

O presidente da Câmara Municipal de Oeiras, acompanhado pelo vereador Nuno Neto, do pelouro do Bem-Estar Animal, e pelos padrinhos do evento, Santiago Lagoá e Gustavo Santos, esteve no centro de Apoio Animal, para promover a adoção dos animais à guarda do Município.

Esta 7ª edição, que teve associada uma Prova Agility Speed Cup, incluiu no seu programa várias atividades como campanhas de adoção, workshops temáticos, demonstrações caninas e passeios de burro entre outras surpresas.

Tanto Isaltino Morais como Nuno Neto defenderam que «os animais, na atual sociedade, são fundamentais na vida das pessoas» e que as Câmaras e as Uniões e Juntas de Freguesia «tem de ter politicas públicas de defesa do bem-estar animal», acrescentando que todas as freguesias do concelho têm parques caninos e que foi realizada uma campanha de sensibilização de dejetos caninos, para incutir nos tutores o sentido de responsabilidade pelas condutas incorretas, nomeadamente «a não recolha dos dejetos, apesar de Oeiras dispor de vários equipamentos que dotam a via pública das condições necessárias para tal», acrescenta o vereador Nuno Neto.

Para Isaltino Morais, «há que gerir de uma forma equilibrada essas políticas de proteção animal», referindo-se, em concreto, aos abrigos para gatos. «Não podemos criar abrigos para gatos junto de prédios em que a maioria dos residentes não simpatiza com gatos», adiantou, explicando, de certa forma, que as políticas de proteção animal não podem colidir com as populações.

Em relação a adoção de animais, o edil realçou a necessidade de a autarquia «saber quais são as pessoas que podem ou não adotar animais».

Desde 2014, que o município de Oeiras promove dois grandes eventos dedicados aos animais de companhia que habitualmente se realizam no Jardim Municipal de Oeiras sendo a entrada gratuita: Feira Animal (maio) e Festa Animal (outubro) no âmbito da comemoração do Dia Mundial do Animal.

Estas iniciativas têm como objetivo promover as boas práticas e dar a conhecer os direitos dos animais, proporcionando um dia divertido a toda a família, apresentando todo o tipo de serviços e acessórios para animais, realizando worshops de vários temas da área animal (nutrição, cuidados, como escolher um animal de estimação) e mostra de raças, trabalho com animais, nomeadamente aulas de obediência, agility, busca e salvamento.

 

Quer comentar a notícia que leu?