MILHARES DE VISITANTES NA EDIÇÃO DE 2022 DAS FESTAS DA ROCHA

«Estas Festas da Rocha mostraram o verdadeiro espírito da população de Carnaxide e Queijas», salientou Inigo Pereira, presidente da União de Freguesias, em jeito de balanço a este evento que, este ano, celebrou o bicentenário do ‘aparecimento’ da imagem que “o povo” batizou de Nossa Senhora da Conceição da Rocha.

A primeira edição das Festas de Nossa Senhora da Conceição da Rocha no pós-pandemia foi um sucesso. Para o presidente da União de Freguesias de Carnaxide e Queijas, Inigo Pereira, a adesão as festividades foram enormes, sublinhando que este terão sido as festas «que contaram com um número maior de público».

Segundo Inigo Pereira, o mar de gente que encheu o santuário, principalmente nos dois fins de semana, mostrou «o verdadeiro espírito da população de Carnaxide e Queijas» que, na perspetiva do autarca, «ansiavam por um evento que pudesse trazer de volta a ideia de comunidade e de ligação às tradições”».

Tanto no primeiro como no segundo fim de semana das Festas de Nossa Senhora da Conceição da Rocha, que decorreram entre 20 e 29 de maio, registou-se uma das maiores afluências de público de sempre nestas festividades. Milhares de pessoas assistiram às atuações dos cabeças de cartaz: Toy, Quina Barreiros, Iran Costa e o grupo Maxi.

Do programa de animação, destaque ainda para a participação de associações e coletividades da União de Freguesias de Carnaxide e Queijas, tal como tem sido tradição desde a revitalização destas festividades em 2015.

O Estúdio de Dança de Carnaxide, o Clube de Carnaxide Cultura e Desporto, a Orquestra dos Bombeiros de Linda-a-Pastora, o grupo coral “Traquinas”, do Centro Social e Paroquial de Carnaxide, e os grupos musicais da Universidade Sénior de Carnaxide e Queijas animaram as tardes das Festas da Rocha.





Outro dos destaques foi o festival de folclore – o “Folk’Rocha 2022” – que contou com a participação de ranchos e grupo folclóricos oriundos de vários pontos do país.

O sucesso das Festas da Rocha estendeu-se também às diversões instaladas no recinto e às bancas de bebidas e alimentos, que também registaram um grande afluxo de pessoas, com números muito superiores a edições anteriores à pandemia.

Este ano, as festas revestiram-se de particular importância, uma vez que se assinalaram os 200 anos do aparecimento numa gruta (1822), perto do Casal da Rocha, de uma pequena imagem de Nossa Senhora da Conceição.

Foi também por isso que o programa religioso registou uma participação significativa. Para além do terço diário, da primeira missa no dia 22 de maio e das visitas diárias ao santuário e à gruta, os grandes momentos ficaram guardados para o último dia, 29 de maio.

De manhã, foi celebrada a missa em honra de Nossa Senhora da Conceição da Rocha pelo Cardeal Patriarca Manuel Clemente. Depois, durante a tarde, a procissão juntou centenas de fiéis que, desde o santuário, acompanharam a imagem da Senhora da Rocha pelas ruas, acompanhados pela banda da Sociedade Filarmónica e Fraternidade de Carnaxide.

Destaque também para a presença do presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais, durante os dez dias das festividades, bem como de vários vereadores da autarquia.

As Festas de Nossa Senhora da Conceição da Rocha são uma organização da União de Freguesias de Carnaxide e Queijas, em parceria com a Irmandade da Senhora da Rocha, responsável pelo programa religioso.

Quer comentar a notícia que leu?