NOVA RÁDIO NASCE EM OEIRAS NO DIA MUNDIAL DA RÁDIO

Uma nova rádio online, integrada na candidatura de Oeiras a Capital Europeia da Cultura, vai nascer no próximo domingo, Dia Mundial da Rádio. A Poesia.fm, que não tem uma emissão contínua, vai ter vários géneros radiofónicos em busca de uma rádio mais poética

No domingo, 13 de fevereiro, Dia Mundial da Rádio, vai estar disponível uma nova rádio online dedicada à poesia. Este projeto está integrado a candidatura de Oeiras a Capital Europeia da Cultura 2027. Para ouvir basta aceder a www.poesia.fm

A poesia.fm não terá uma emissão contínua, mas vários ‘podcasts’ para todos os ouvidos: leituras, conversas, documentários, música, performance, ficção e outras criações. Vários géneros radiofónicos em busca de uma rádio mais poética. Cada ouvinte escuta como e onde quiser, sempre que quiser.

No dia do lançamento, do Rio de Janeiro, a voz de Eucanaã Ferraz estreia o Poemário Esquisito. Todas as semanas um poeta diferente diz sete poemas seus, um por dia.

Num Documentário de Pejk Malinovski, distinguido pelo Prix Europa, vamos ao Texas procurar a poesia que existe em Poetry – uma vila perdida no faroeste americano.

E do fim do mundo regressa o eco da última voz de uma das tribos da Terra do Fogo, um Objecto Poético não Identificado de Joaquin Cofreces, que é já um clássico da criação radiofónica do século XXI.





Fernando Alves é o primeiro convidado do Poemundo, escolhendo e lendo um poema de Ruy Belo, “o poeta que escrevia para a rádio, talvez sem o saber”.

Ana Paula Tavares Conversa na Paisagem com Mariana Oliveira, enquanto na Bobine do Mês recupera-se outro diálogo à volta dos versos e das ideias – Natália Correia no gravador de Igrejas Caeiro.

Pedro Lima, mecânico de bicicletas, descobre a poesia num frente-a-frente com um espelho mágico que reflete o primeiro Cidadão-poeta desta viagem.

Entre fevereiro e março, Marta Lança vai levar os ouvintes pelas Áfricas poéticas da Dipanda.

O Poemário Esquisito continuará pelas vozes de João Luís Barreto Guimarães, Golgona Anghel, Miguel Cardoso, Regina Guimarães e por aí adiante.

Em oficinas radiofónicas nas escolas, será desenvolvido os Poetas em Construção. Alguns deles talvez se cruzem com Cesário Verde, protagonista do primeiro Radiolivro da poesia.fm.

Nos próximos meses será possível escutar ainda peças de Sofia Saldanha, Luca Argel, Luís Caetano, Ana Sofia Paiva, Marco Oliveira, Teresa Dias Mendes, Raquel Lima, Yaw Tembe, Pedro Coelho, Isabel Meira, Rita Colaço, Rita Costa, Sandy Gageiro, Laura Romero, I. Rodas, Tiago Schwäbl, Oriana Alves e André Cunha. Sérgio Milhano será o mago dos sons que André da Loba ilustrará.

Quer comentar a notícia que leu?