PAN APRESENTA CANDIDATURAS A OEIRAS

0

O PAN – Pessoas-Animais-Natureza apresentou a candidatura do partido às eleições autárquicas em Oeiras, numa ação pública que contou com as intervenções de Pedro Fidalgo Marques, o candidato à Câmara Municipal, Sílvia Marques, cabeça de lista à Assembleia Municipal.

Pedro Fidalgo é o candidato do PAN à Câmara Municipal de Oeiras, tendo ainda como cabeça de lista à Assembleia Municipal Sílvia Marques, foi revelado na apresentação pública dos candidatos do PAN, que contou com a presença de Inês Sousa Real, porta-voz do PAN. Na apresentação foi ainda revelado que Nuno Costa é o candidato à União de Freguesias de Oeiras, São Julião da Barra, Paço de Arcos e Caxias, Susana Ribeira, candidata à Freguesia de Barcarena, Fábio Gomes candidato à Freguesia de Porto Salvo, Lucinda Coelho à União das Freguesias de Algés, Linda-a-Velha e Cruz Quebrada – Dafundo, e Paulo Mendonça é o candidato à União de Freguesias de Carnaxide e Queijas. (Nota: lamentavelmente em artigo anterior trocamos os nomes dos atuais candidatos, tendo-os confundido com o dos candidatos às autárquicas anteriores. Pelo erro apresentamos as nossas desculpas)

A candidatura do PAN à Câmara Municipal de Oeiras tem como principais preocupações responder aos desafios sociais e de sustentabilidade do concelho, com grande foco aplicação de medidas anti discriminação e de combate à violência, na reversão das políticas de construção desenfreada em Oeiras, na promoção da mobilidade suave e desenvolvimento de um Plano Municipal de Proteção, Saúde e Bem-estar Animal.

«Candidato-me porque acredito que Oeiras pode ter um desenvolvimento mais justo, mais equilibrado e mais sustentável. É necessário acordar a maioria silenciosa, voltar a envolver os cidadãos e a aproximá-los da política. o PAN vai trabalhar por uma maior participação, por uma menor abstenção e por garantir que todos os Oeirenses têm voz e que são ouvidos», reforçou Pedro Fidalgo Marques na apresentação da candidatura.

Na sessão pública promovida pelo PAN, Sílvia Marques, atual deputada na Assembleia Municipal de Oeiras, elencou as medidas apresentadas pelo partido ao longo dos vários anos de participação municipal, nomeadamente pela proteção do arvoredo urbano, o fim do uso de glifosato, e o reforço da mobilidade suave, com a aposta nas ciclovias.





Para as Autárquicas 2021, o PAN Oeiras apresenta várias medidas-chave.  «A criação até final de 2022 do Atlas de Risco das Alterações Climáticas do Município revendo de seguida o PDM incluindo os resultados deste mapa de risco e de um grupo de trabalho que assegure a reversão da transformação excessiva e arbitrária de solo rural em solo urbano, da eliminação de áreas de Reserva Agrícola Nacional e de redução das áreas de Reserva Ecológica Nacional, por forma a contrariar a especulação urbanística, o crescimento excessivo dos perímetros urbanos e o aumento incontrolado dos preços do imobiliário, são dois dos objetivos da candidatura do PAN à Câmara Municipal de Oeiras que, aliás considera também prioritária a  promoção da saúde mental e a criação de programas intergeracionais, ao garantir que «ninguém fica para trás, que ninguém fica sozinho, que ninguém fica esquecido?». E, por isso, a defesa de programas de apoio ao arrendamento e uma maior democratização e facilitação no acesso à justiça a todos os cidadãos através da sua desmaterialização e na capacitação dos seus profissionais.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here