PISTA HISTÓRICA DE ATLETISMO DO JAMOR REABRIU PARA RECEBER 12H#BEACTIVE

0

Há 76 anos, a 10 de junho de 1944, foi inaugurado o Estádio Nacional, no Jamor. Hoje é um lugar cheio de histórias, mas também com muitas novidades e que, no dia do evento 12H#BEACTIVE, integrado na Semana Europeia do Desporto, reabriu a histórica pista nº1 de atletismo.

O Complexo Desportivo do Jamor está ao serviço da comunidade, servindo não só os atletas de alta competição, mas também a comunidade em geral, para fomentar a prática desportiva entre a população, salientou o secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, durante  a abertura do evento 12H#BEACTIVE, promovido pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) no âmbito da Semana Europeia do Desporto, e que hoje decorreu no Centro Desportivo Nacional do Jamor.

Esta iniciativa desportiva, que decorre até às 20 horas de hoje, assinalou, também, a reabertura da renovada Pista de Atletismo do Estádio Nacional, a qual, após o evento, está disponível para os diversos âmbitos da prática desportiva.

«Queremos cidadão ativos, queremos que todos pratiquem desporto e a reabertura da histórica pista nº1 de atletismo, assim como a participação de cerca de mil pessoas nas atividades da 12HAtletismo, é a demonstração clara que a pandemia não pára o desporto», acentuou o secretário de Estado da Juventude e do Desporto.

João Paulo Rebelo destacou que, com a requalificação dos equipamentos desportivos, o Governo «quer garantir o desporto para todos».

Por seu turno o vereador Pedro Patacho, dos pelouros da Educação e Desporto da Câmara Municipal de Oeiras, após realçar que o Estádio Nacional do Jamor é uma «marca nacional em que todos os portugueses se reconhecem», salientou que a Câmara Municipal de Oeiras pretende reforçar a cooperação com o IPDJ «na manutenção do complexo do Jamor».





«Este espaço desportivo de Oeiras é muito utilizado pela comunidade e pelos clubes do concelho e, por isso, a autarquia tem desenvolvido, ao longo dos anos, uma intensa cooperação com o Estádio Nacional do Jamor», sublinhou Pedro Patacho, realçando que a edilidade «se associa sempre a todas as atividades deste centro desportivo».

Mais do que um estádio, o Jamor é um pequeno mundo, garante Vítor Pataco, presidente do IPDJ, salientando que o objetivo passa por levar mais gente ao Jamor. O presidente do Instituto Português do Desporto e da Juventude quer «comunicar, chamar a atenção das pessoas que podem usufruir deste espaço de uma forma muito intensa e atrativa», com espaço «para os clubes locais e as coletividades possam vir ao Jamor mostrar as suas atividades».

Vítor Pataco, depois de salientar que a pista reaberta  é a pista sintética mais antiga de Portugal, defendeu que «esta pista vai servir para todos aqueles que querem fazer desporto», lembrando que, «por ela, passaram todos os nossos atletas olímpicos».

Já para Jorge Vieira, da Federação Portuguesa de Atletismo, «a reabertura desta pista é um momento alto do atletismo nacional, porque se trata da reabilitação da principal pista de atletismo português que nasceu em 1944 e que, em 1972, recebeu o primeiro sintético do país».

Segundo Jorge Vieira, no Estádio Nacional, que em junho fez 76 anos, «bateram-se vários recordes nacionais», recordando que «esta pista tem uma ‘alma’ muito especial».

Promover saúde e bem-estar

A atleta Naida Gomes, uma das embaixadoras das 12H#BEACTIVE, apelou a todos os portugueses para deixarem «a comodidade dos seus sofás para praticarem desporto», defendendo que os embaixadores deste evento desportivo têm por obrigação a «promoção da saúde e do bem-estar das pessoas».

«Nestes tempos de pandemia, temos que apelar às pessoas para fazerem desporto, mesmo que seja em casa», argumenta Naide Gomes, destacando o facto de «estarem a participar neste evento desportivo, o 12H#BEACTIVE, cerca de mil pessoas, de todas as idades», em dois modelos de competição nas 12H#BEACTIVE: formato de resistência, em que os/as atletas são desafiados/as a participar durante 12 horas (individualmente ou em estafetas), e formato de prova por slot, no qual o/a atleta escolhe o horário em que pretende participar.

A iniciativa reúne corrida e caminhada num circuito de 5 km reservado para os/as participantes.

Os embaixadores #BEACTIVE Elisabete Jacinto, Nuno Delgado, Naide Gomes, Jorge Pina e Patrícia Matos irão dar o exemplo no domingo e farão a prova de slot, nos seguintes horários: • Slot 2 (10h30 às 13h00): Elisabete Jacinto, Nuno Delgado e Naide Gomes • Slot 4 (15h30 às 18h00): Jorge Pina • Slot 5 (18h00 às 20h00): Patrícia Matos

A organização da 12H#BEACTIVE criou um plano de contingência, com medidas a adotar no evento, que passam por exemplo pela existência de corredores diferenciados para a partida e para a meta; pela delimitação do espaço, com acesso reservado e exclusivo e pela regularidade com que o speaker transmitirá as medidas de prevenção durante o dia.

 

 

Escreva aqui o seu comentário...