RUA DOS PESCADORES NA COSTA DEVOLVIDA ÀS PESSOAS

0

A icónica Rua dos Pescadores na Costa da Caparica foi totalmente remodelada. A requalificação incluiu a colocação de um pórtico em memória da antiga Casa da Coroa que ali existiu em tempos. Hoje, foi o dia de Inês Medeiros, presidente da Câmara de Almada, devolver essa artéria turística às pessoas.

A histórica rua dos Pescadores, na Costa de Caparica, já está de cara lavada. Há muito aguardada pelos caparicanos, a obra de requalificação contou com um investimento municipal de perto de 700 mil euros e foi hoje, segunda-feira inaugurada pela presidente da Câmara Municipal de Almada, Inês de Medeiros, que se encontrava acompanhada pelo presidente da Junta de Freguesia da Costa da Caparica, José Ricardo Martins.

Assim, a principal artéria comercial e turística da Costa da Caparica, que chega a receber um milhão de visitantes aos fins-de-semana na época alta, «mudou de cara» e está a ser devolvido às pessoas. O projeto contemplou a substituição do antigo pavimento por lajetas de betão (alternando entre o preto e o branco), a colocação de árvores, de novo mobiliário urbano, de novos elementos de iluminação e, ainda, pela colocação de um pórtico em memória da antiga Casa da Coroa que ali existiu, com uma réplica da coroa.

A requalificação teve início no final do ano passado e abrangeu também a Praça da Liberdade e a Avenida da República, com o objetivo de «devolver espaço público às pessoas e colocar de forma homogénea as esplanadas», como sublinhou o presidente da Junta de Freguesia da Costa da Caparica.

Por seu turno, para Inês de Medeiros, a intervenção realizada alcançou o objetivo de devolver àquela rua uma «dignidade que refletisse o amor que os caparicanos têm àquela via central».

Humanização da artéria mais turística




A autarca destacou ainda que a «colocação de árvores, que humanizam o espaço e trazem coerência, aumentaram, assim, o prazer de viver o espaço público para aqueles que vivem na Costa da Caparica, mas também para aqueles que a visitam», afirmou durante a cerimónia de inauguração.

«Partilho com todos a alegria de estarmos aqui a inaugurar a Rua dos Pescadores, uma rua fundamental para os Caparicanos e para os Almadenses, que liga o centro da Costa da Caparica à nossa frente marítima, que tem no nome – Pescadores – a essência e a alma da Costa da Caparica», afirmou Inês de Medeiros.

«Uma das nossas prioridades nesta requalificação foi, por um lado, devolver-lhe a dignidade e que refletisse o amor que os Caparicanos têm a esta via central, por outro lado trazer-lhe luz, daí as opções que tomámos, aumentando assim o prazer de viver o espaço público para aqueles que aqui vivem, mas também para aqueles que nos visitam», explicou a autarca.

Do ponto de vista da autarca, as intervenções realizadas nesta emblemática Rua devolveram ainda aos Caparicanos uma parte da sua história com a colocação de um pórtico com uma réplica do brasão e da coroa que ali existiam.

De facto, no local do pórtico evocativo da vivência histórica da Costa da Caparica foi colocada uma réplica da «pedra de armas com brasão real aposto sobre esfera armilar encimado por coroa imperial» (de acordo com o Sistema de Informação para o Património Arquitetónico) que se encontrava na Casa da Coroa. O que leva Inês Medeiros a concluir: «Na reabilitação desta rua também insistimos em reafirmar uma identidade cultural da Costa trazendo de novo a Coroa que as pessoas tanto gostam para a Rua dos Pescadores. Nós não temos futuro se não tivermos passado. Esta Rua dos Pescadores é também isso, essa ligação entre o passado, o presente e o futuro».

Homenagem aos pescadores

Também José Ricardo Martins, presidente da Junta de Freguesia da Costa da Caparica, fez questão de sublinhar a importância deste momento. «É um dos dias mais importantes para a freguesia da Costa da Caparica. A requalificação desta rua simbólica que tem o nome de quem ergueu esta freguesia, os Pescadores. Era uma das lutas que tinha deste 2014, a devolução do eixo central que começa na Praça da Liberdade, junto ao Mercado e vai até à frente Atlântica.»

As origens da mais emblemática rua da Costa da Caparica remontam ao século XVIII, altura em que os pescadores ali se começaram a concentrar. Mais recentemente, transformou-se na principal zona comercial da cidade da Costa da Caparica, recebendo todos os anos milhares de veraneantes. Agora, após um investimento de perto de 700 mil euros, esta zona turística ficou mais luminosa e harmoniosa.

 

Quer comentar a notícia que leu?