SÃO DOMINGOS DE BENFICA COMEMORA 60º ANIVERSÁRIO COM PARQUE INFANTIL

0

A abertura do Parque Infantil da Quinta da Alfarrobeira marcou as comemorações do 60º aniversário da freguesia de São Domingos de Benfica, em Lisboa.

O Parque Infantil da Quinta da Alfarrobeira é a 1ª fase de uma obra que que irá contemplar ainda um parque de merendas, um circuito de manutenção e uma zona de restauração, no âmbito do projeto de requalificação dos Jardins da Quinta da Alfarrobeira, sede da Junta de Freguesia de São Domingos de Benfica.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, considera que, desta forma, «está dado mais um passo para a devolução total do espaço às pessoas», fruto de uma parceria entre a autarquia e a junta.

Fernando Medina lembrou que a recuperação da Quinta da Alfarrobeira resulta da descentralização administrativa em Lisboa, que transferiu competências da câmara para as juntas de freguesia, e que, ano após ano tem vindo a ser devolvida aos cidadãos, criando uma nova centralidade na freguesia.

Por seu turno, o presidente da Junta de Freguesia, António Cardoso, fez questão de referir que os Jardins da Quinta da Alfarrobeira ficam, a partir de hoje, abertos para todos poderem usufruir deste novo parque infantil.

No «intervalo» das celebrações oficiais, António Cardoso, em declarações a Olhares de Lisboa, anunciou algumas das medidas tomadas e a tomar pela Junta para melhorar a qualidade de vida da população de São Domingos de Benfica. Assim, revelou que o bairro de Palhavã, onde está o Instituto Português de Oncologia (IPO), vai «para obras de requalificação do parque habitacional» e que vão ser efetuados melhoramentos de asfalto na Rua Lima Bastos, prevendo a mudança da atual praça de táxis para o largo frontal às estações de Metro e da CP.





Paralelamente a estas medidas, António Cardoso fez questão de lembrar que a Junta de Freguesia está «a melhorar o projeto solidão que, dentro do possível, tenta minorar os problemas de solidão das pessoas mais velhas». Funcionando com uma assistente social e uma psicóloga e contando com a colaboração da PSP, Santa Casa da Misericórdia e Câmara Municipal, este projeto realiza, diariamente, um rastreio telefónico para se inteirar da «situação das pessoas» e, quando deteta algum problema contata a PSP «para irem ver se tudo está bem».

Uma outra preocupação de António Cardoso é o rejuvenescimento da sua freguesia e, entre as diferentes medidas que foram tomadas para atrair jovens para a freguesia, salienta a criação, em 2017, do projeto “Caixa do Bebé”.

Este projeto, criado em 1938 pelo Governo Finlandês, assenta nas políticas sociais e de saúde adotadas por este país nórdico, apoiando famílias que se encontrem em situação de fragilidade social, através da atribuição de kits com bens essenciais para um recém-nascido. Este kit consiste numa caixa de cartão adaptada para servir de berço e vai acompanhado por fraldas, chuchas, roupas, biberões, produtos de higiene, entre outros produtos de puericultura.

Escreva aqui o seu comentário...