Atualização | SAPADORES BOMBEIROS COMBATEM INCÊNDIO EM PRÉDIO EM CAMPO DE OURIQUE

0

Um incêndio de pequenas dimensões deflagrou ontem, por volta das 13 Horas, nas águas furtadas de um prédio em Campo de Ourique, que obrigou à evacuação de um prédio na Rua Francisco Metrass, nº 59, tendo sido dado como extinto cerca das 16 horas.

Ontem, ao princípio da tarde, passavam alguns minutos das 13 horas, a população de Campo de Ourique foi alertada para um incêndio na cobertura de um prédio na Rua Francisco Metrass, que ainda se propagou a um prédio vizinho.

O sinistro, prontamente combatido pelos elementos do Regimento de Sapadores Bombeiros, que deslocaram várias viaturas para o local, supostamente teve origem num grelhador, ateado por um dos moradores para fazer um churrasco, e que rapidamente se propagou a uma cobertura de plástico e, daí, passou ainda para o telhado do prédio contíguo.

Apesar do aparato, há a registar apenas quatro vítimas por inalação de fumos, que foram assistidos no local pelo INEM, tendo apenas um homem sido conduzido ao Hospital de São José.

De acordo com os Sapadores Bombeiros de Lisboa, o edifício foi evacuado, mas «apenas por precaução», e «algumas pessoas foram assistidas pelo INEM por questões relacionadas com ansiedade ou algum fumo que inalaram», tendo o prédio sido evacuado.

O chefe Ângelo Pereira, do Regimento de Sapadores de Bombeiros, confirmou que toda a cobertura tinha sido consumida, deixando os residentes das duas fracções desalojados. «Não tem condições de habitabilidade. Estamos a tentar resolver o problema com a Protecção Civil», salientando que, com excepção das casas das águas furtadas, as outras habitações não tinham sido muito danificadas, apenas com estragos provocados pela água necessária para combater as chamas. Mas, mesmo assim, por volta das 19 horas, ainda decorriam os trabalhos com a Proteção Civil para aferir as condições estruturais do edifício.






O fogo foi participado aos Sapadores Bombeiros às 13:19, tendo sido enviados para o local 16 operacionais e cinco viaturas.

 

Escreva aqui o seu comentário...