«Snu» traz para o grande ecrã a história de amor e coragem que comoveu e escandalizou Portugal no final da década de 70 entre a editora dinamarquesa Snu Abecassis e o primeiro-ministro Francisco Sá Carneiro.A história do relacionamento da editora Snu Abecassis e do antigo primeiro – ministro  Sá Carneiro, nos anos setenta, é retratado num filme de Patricia Sequeira que se estreia amanhã, nos cinemas.

«Snu» é um filme de ficção inspirado em fatos reais e que se centra num período da vida de Snu Abecassis, fundadora da editora Dom Quixote e que desafiou a sociedade portuguesa de então, ao assumir uma união de facto com Francisco Sá Carneiro, quando este era casado.

O filme Snu é uma longa-metragem apoiada pelo MEO, marca da Altice Portugal, maior operador de comunicações do país, numa estratégia de valorização do cinema e da cultura em Portugal.

Procurando disponibilizar os melhores conteúdos em cada momento, o MEO materializa uma vez mais o seu investimento na disponibilização dos melhores conteúdos e que, no caso de Snu, traduz também a capacidade de divulgar o talento nacional e preservar a memória histórica e cultural do nosso país.

O apoio ao filme Snu reforça o investimento da Altice Portugal em projetos culturais e audiovisuais da maior qualidade, relevância e irreverência, no âmbito do compromisso assumido com o Instituto do Cinema e do Audiovisual para o desenvolvimento do cinema e das atividades audiovisuais em Portugal, num valor que ultrapassa já os 19 milhões de euros nos últimos anos. Aliás, a Cultura, a par com o Desporto e com a Música fazem parte dos pilares estratégicos da Altice Portugal, numa aposta e compromisso com o país e com os portugueses, num investimento consistente, transversal ao país e às diferentes dimensões da sociedade.

 

 

 

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.