TÚNEL DA JOÃO XXI REABRE AO TRÂNSITO NO DIA DA REPÚBLICA

0

O túnel da João XXI, em Lisboa, reabre segunda-feira, dia 5 de outubro, com vários condicionamentos para que as obras possam continuar. Esta infraestrutura foi encerrado ao trânsito, desde 18 de setembro, devido a um incêndio.

Encerrado ao trânsito desde 18 de setembro, devido a um incêndio que teve origem numa falha no sistema de controlo elétrico, o túnel da Avenida João XXI, em Lisboa, vai reabrir à circulação automóvel no dia das comemorações da implantação da República, (segunda-feira, dia 5 de outubro), a partir das 6 horas, anunciou a autarquia.

O acesso será, no entanto, condicionado, enquanto os serviços municipais vão continuar a desenvolver os trabalhos e os melhoramentos necessários para a normalização da circulação.

Segundo a Câmara de Lisboa, estão garantidas todas as condições de segurança, mas a circulação será feita de forma condicionada, para que possam ser realizados trabalhos em paralelo.

Assim, a circulação no túnel, que se manterá encerrado durante o período nocturno, entre as 21 e as 6 horas, vai continuar condicionada a uma via por sentido, continuando proibido o trânsito de pesados e a velocidade máxima permitida é de 30km/h.

Estes condicionamentos – avisa a autarquia – serão acompanhados em permanência por elementos da Polícia Municipal nas entradas do Campo Pequeno e das Olaias.





No dia do incidente, a Câmara de Lisboa informou que o incêndio teve origem numa falha no sistema de controlo elétrico, adiantando que o trânsito naquele local iria manter-se encerrado.

«Concluída a avaliação preliminar sobre as causas do incêndio no túnel da Avenida João XXI, e que levaram ao encerramento desta infraestrutura, a Câmara Municipal de Lisboa vem por este meio comunicar que a avaliação efetuada pelas equipas técnicas do municípios, coordenadas pelo Serviço Municipal de Proteção Civil, apontam para uma falha no sistema de controlo elétrico que faz a transição da energia da rede com a energia produzida pelo grupo gerador, em caso de falha da rede, como aconteceu esta manhã», afirmava o município em comunicado.

«A avaliação mais detalhada do que aconteceu e das medidas necessárias para a reposição das condições de operação e circulação em plena segurança, estão a decorrer», era ainda referido.

Escreva aqui o seu comentário...