A freguesia da Ajuda tem, desde hoje de manhã, uma nova carreira da Carris de Bairro. trata-se do autocarros 76 B. A cerimonia de inauguração ficou marcada pelo aniversário de uma utente. Fernando Medina e passageiros cantaram os parabéns à Dona Rosa.O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, acompanhado pelo presidente da Junta de Freguesia da Ajuda, Jorge Marques, bem como o Conselho de Administração da Carris, esteve no arranque de uma nova Carreira de Bairro da Carris na cidade de Lisboa. Desta feita, trata-se da nova carreira 76 B.A carreira 76 B circula a partir da R. Guarda Jóias via Travessa Moinho Velho, Largo Boa Hora à Ajuda, R. Dom Vasco, R. Nova do Calhariz, R. Aliança Operária, Largo Rio Seco, R. Dom João de Castro, Travessa Fornos, R. do Cruzeiro, R. Augusto Gomes Ferreira, Largo da Ajuda, R. Dom Vasco, R. Bica do Marquês, Calçada da Ajuda, R. dos Marcos, Estrada de Queluz, R. Archeiros, R. da Igreja, R. José Pinto Bastos, Av. Helen Keller, Estrada Pedro Teixeira, Calçada do Galvão, Travessa da Memória, Calçada da Ajuda, R. Bica do Marquês, R. Dom Vasco, Travessa das Florindas até à R. Guarda Jóias. Este novo percurso cruza com outras carreiras da Carris: 723, 727, 729, 732, 742, 760 e 18 E.A 76 B vai funcionar com autocarros de tipologia Mini, todos os dias da semana das 7 às 22 horas, com uma frequência média de 40 minutos. Todos os títulos de transporte da rede urbana da Carris são válidos, assim como o passe exclusivo “CARREIRAS DE BAIRRO” (10€ por 30 dias).

De salientar que as carreiras de bairro são um conjunto de novas carreiras que vêm reforçar a mobilidade local, criando complementaridade à rede já operada pela Carris. Estas novas linhas geram maior proximidade aos pontos e equipamentos mais importantes do quotidiano dos bairros, como escolas, centros de saúde, mercados e outros meios de transporte público.Segundo declarações de Fernando Medina, «há um projeto para servir toda a cidade com as linhas de bairro e as linhas de bairro estão a ser, obviamente, desenhadas numa parceria muito sólida com as equipas das Juntas de Freguesia e da Câmara Municipal de Lisboa, que é quem tem uma visão integrada da mobilidade na cidade, e à medida que vamos reunindo identificam-se mais ou menos necessidades».

De acordo com responsáveis da Carris, a rede de Carreiras de Bairro deverá estar completa em 2019. Contudo, aquando da aprovação em reunião camarária da criação das primeiras quatro linhas, em junho passado, o prazo apontado era final de 2018.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.