MAIS MOBILIDADE NO ESPAÇO PÚBLICO LISBOETA

0

Amanhã, quarta-feira, pelas 15 horas, o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, vai apresentar as medidas de continuação da transformação do espaço público, interrompido pela pandemia do Covid-19.

Preparando a cidade para um período em que os transportes públicos continuam com a capacidade máxima reduzida, a Câmara Municipal de Lisboa vai apresentar quarta-feira, dia 3 de junho, pelas 15 horas, um plano de transformação do espaço público.

O presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, vai apresentar em vídeo conferência as «medidas de promoção da mobilidade ativa e o mapa de implementação das medidas de transformação do espaço público.

Esta apresentação pretende acelerar «o que já vinham sendo as políticas de mobilidade seguidas pelo município, como o aumento do espaço pedonal e da rede ciclável»r

Recorde-se que Lisboa foi a cidade pioneira a promover, nos finais de 2019, o primeiro Pacto de Mobilidade Empresarial, através do qual as empresas subscritoras se comprometem a identificar e promover soluções de mobilidade e sustentabilidade urbana, que passam, por exemplo, por oferecer aos trabalhadores créditos para usar meios de transporte partilhado.

Umas das primeiras organizações que subscreveu este pacto foi a EDP, tendo este compromisso sido formalizado entre a Câmara Municipal de Lisboa e vários grupos empresariais durante o encontro global da WBCSD (World Business Council for Sustainable Development) que decorreu na capital portuguesa.





Sob o mote «catalisar a liderança empresarial para transformar a mobilidade nas cidades», o pacto pretende agregar empresas e outras instituições, incluindo autarquias, com o objetivo de melhorar e transformar ativamente a mobilidade de uma cidade.

(Notícia atualizada)

Escreva aqui o seu comentário...