SPORTING CAMPEÃO EUROPEU DE FUTSAL RECEBIDO NA CÂMARA DE LISBOA

0

Fernando Medina foi o anfitrião dos novos campeões europeus de futsal, numa cerimónia que também contou com a presença de Frederico Varandas, presidente do Sporting, cuja equipa venceu a Liga dos Campeões de Futsal, conquistando pela segunda vez este título europeu.

A equipa de futsal do Sporting foi recebida, esta terça-feira, na Câmara Municipal de Lisboa depois de se ter sagrado campeões europeus na modalidade. Os leões repetiram o título de há dois anos, ao bater na final o campeão em título FC Barcelona por 4-3, em Zadar, na Croácia.

Fernando Medina, presidente da autarquia, felicitou toda a equipa e adeptos do Sporting, referiu que «a Câmara de Lisboa não podia deixar de se associar a este grande momento do Sporting e do desporto português depois de um feito verdadeiramente único. Esta celebração que aqui fazemos é a de uma grande vitória do Sporting, uma celebração da competência. Os números são verdadeiramente impressionantes e não permitem qualquer outra leitura: nos últimos cinco anos a equipa de futsal do Sporting esteve em quatro finais da Liga dos Campeões. Nas últimas três edições ganhou duas e não sofre uma derrota desde janeiro de 2020, é obra».

«Não sei se o mundo do futsal tem ideia do feito que o Sporting alcançou», especificou Fernando Medina.

Por seu turno, o presidente do Sporting, Frederico Varandas, começou por agradecer a presença dos sportinguistas que se deslocaram até à Câmara Municipal de Lisboa para festejar com a equipa. «É a quarta vez que o presidente nos recebe aqui em menos de dois anos e meio, é muito bom sinal para o Sporting. Dessas quatro vezes, duas são por causa deste grupo que está aqui à minha direita. Se a primeira vez fica na história, tenho de confessar que, para mim, este segundo título é muito mais importante para o Sporting», afirmou Frederico Varandas.

João Matos, capitão da equipa de futsal do Sporting, não conseguiu conter a felicidade e mostrou-se também bastante satisfeito pelo título conquistado por uma equipa tão jovem e irreverente. explicando que «na segunda-feira de manhã tinha dito ao presidente que lhe ia trazer a taça. Estes jovens tiveram uma atitude tremenda. O nosso foco era entrar determinados. Já criámos um tremendo estatuto na Europa. O potencial destes miúdos vai garantir o futuro do futsal do Sporting».





«A final foi um momento absolutamente irrepreensível e extraordinário para o nosso futsal. Como é que foi possível? Com um resultado tão adverso, em que tudo estava a favor do Barcelona. É um orgulho enorme. O melhor grupo que já treinei desde que estou no Sporting em termos de união e solidariedade. Os miúdos e não só têm de continuar a trabalhar e a evoluir para sermos cada vez melhores», disse o treinador Nuno Dias, explicando que a reviravolta depois do intervalo se deveu ao facto da equipa ter conseguido unir-se e dar a volta ao resultado.

Por seu turno, o autor do golo que começou a reviravolta leonina, Zicky Té, afirmou que esta vitória representa o grande espírito de entreajuda e trabalho da equipa. Com a família junto à Câmara de Lisboa, a apoiá-lo, o jogador não escondeu a felicidade. «A minha família é o meu pilar e é muito importante tê-la aqui nas minhas conquistas. Isto é consequência de um trabalho de equipa. Fico contente por ter feito o golo, mas principalmente por ter ajudado a minha equipa», acrescentou Zicky Té.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here