Lisboa recebe hoje, à tarde, o ‘testemunho’ de Oslo para ser a Capital Verde Europeia 2020. Antecipando a abertura oficial, o vice-presidente Executivo da Comissão Europeia, Frans Timmermans, esteve em Alcântara, onde são tratadas as águas residuais.Frans Timmermans, vice-presidente executivo da Comissão Europeia para o Pacto Ecológico Europeu que está em Lisboa para participar na cerimónia de abertura da Capital Verde Europeia 2020, esteve na fábrica das Águas do Tejo Atlântico (ETAR de Alcântara) para conhecer a rede de água reutilizada que pode ser utilizada na rega.

Recebido por António Frazão e Hugo Xambre Pereira, da administração das Águas do Tejo Atlântico, o vice-presidente da Comissão Europeia visitou a Fábrica de Água de Alcântara e o subsistema de recolha e tratamento de águas residuais associado que são um dos pilares fundamentais para a recuperação e garantida da qualidade do rio Tejo e que muito tem contribuído para a qualidade ambiental da cidade de Lisboa e para o crescimento as atividades económicas como é o caso do turismo.

Nesta instalação, onde se encontra um dos maiores telhados verdes da Europa, são tratados diariamente cerca de 145.000m3 servindo mais de cerca de 750.000 habitantes equivalentes de Lisboa, Loures e Amadora.

Do programa da delegação europeia, destacam-se ainda a participação na inauguração da exposição do Oceanário de Lisboa «ONE o Mar como nunca o sentiu», uma instalação da autoria da artista portuguesa Maya, que apresenta imagens filmadas exclusivamente no mar de Portugal e transmite uma mensagem profunda sobre a ligação ancestral do Homem com o Mar. Estarão também presentes o primeiro-ministro, António Costa, o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, António Guterres, e o presidente da Fundação Oceano Azul e Oceanário de Lisboa, José Soares dos Santos.

O vice-presidente executivo Timmermans e o comissário Sinkevičius vão, a convite do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, de autocarro elétrico para o Parque Eduardo VII onde decorre a cerimónia de abertura de Lisboa Capital Verde Europeia 2020 com início às 15h00 (Alto do Parque Eduardo VII, Jardim Amália Rodrigues, junto à Bandeira de Portugal).

Descarregue e leia no seu computador ou equipamento móvel a edição impressa OLHARES-DE-LISBOA-Nº-10

Quer comentar?

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.